sexta-feira, fevereiro 17

Câmara de Manaus recebe visita de funcionários da Escola do Legislativo de Boa Vista












Funcionários da Escola do Legislativo Deputado Luiz Afonso Faccio, da Câmara Municipal de Boa Vista (RR), conheceram, nesta quinta-feira (16), as instalações da Câmara Municipal de Manaus (CMM) e as atividades e cursos desenvolvidos pela Escola do Legislativo Vereadora Léa Alencar Antony.
“Viemos conhecer as iniciativas da Escola do Legislativo de Manaus para nos inspirar e também conversar sobre atividades que realizamos em Boa Vista”, disse a diretora da Escola do Legislativo de Roraima, Elisia Martins, que estava acompanhada da secretária da Escola, Yane Barbosa.
Em uma das visitas a um dos departamentos da Câmara Municipal de Manaus, as funcionárias da Câmara de Boa Vista conheceram a Ouvidoria da Casa, apresentada pela coordenadora da Ouvidoria/SIC, Fabiana Seabra, e acompanhadas pelo presidente do Sindicato do Legislativo (SINDLEGISAM), Flávio Aleixo.

Texto: Liege Albuquerque - DIRCOM/CMM
Foto: Robervaldo Rocha - DIRCOM/CMM

segunda-feira, fevereiro 13

Assessores parlamentares recebem treinamento para uso do ‘Câmara Digital’

 












Assessores de gabinete dos vereadores participaram, nesta quinta-feira (9), do curso ‘Câmara Digital’, realizado na sala de informática, pela Escola do Legislativo Vereadora Léa Alencar Antony. O treinamento visa mostrar o sistema informatizado que permite a gestão eletrônica de documentos do Legislativo, em especial ofícios, requerimentos, comunicados e projetos de lei para total implantação da Norma Ambiental — ISO 14001, cujo objetivo é abolir em 100% o uso de papel nos trâmites internos da Casa Legislativa.
O curso com duração de quatro horas começou nesta quinta-feira (9), com 40 alunos, divididos em duas turmas com 20 participantes. A primeira, pela manhã, no horário de 9h às 12h, e a segunda turma  à tarde, de 13h às 17h. O treinamento termina nesta sexta-feira (10), com outras duas turmas de 40 alunos, em um total de 80 participantes.
O treinamento é voltado especificamente para os novos servidores dos gabinetes para o aprendizado de todos os trâmites dos processos digitalizados da Câmara, como memorandos circulares, ofícios, controle de Verba de Gabinete, entre outros documentos a serem enviados e recebidos pelos gabinetes e outros setores da Casa e faz parte do processo da Norma Ambiental, implantado na Casa ano passado.
As aulas estão sob a coordenação do gerente do Departamento de Informática, Joney Ricardo, que ressaltou que o ‘Câmara Digital’ é o sistema que move toda a documentação existente na Casa e, por isso, a importância do aprendizado pelos novos servidores.
“A ideia é treinar os assessores para a utilização do tráfego de documentos burocráticos da Casa, por meio do módulo Produção de Homologação e, posteriormente, com a entrega do novo módulo do sistema digital, vamos repassar os treinamentos do módulo Legislativo, o qual vai tratar especificamente dos processos das proposituras”, explicou o gerente.
Rodrigo Medeiros, assessor do gabinete do vereador Coronel Gilvandro Mota (PTC), destacou a importância de uma Câmara Digital pelo alinhamento com a Norma Ambiental facilitando os trabalhos práticos do dia a dia dos gabinetes. “Esse processo nos favorece porque tira a necessidade do documento físico, dando mais segurança, eficiência e agilidade no trabalho”, obsevou Rodrigo.
A coordenadora da Escola do Legislativo, Lara Fernandes, destacou que  houve total interesse de todos os assessores de gabinetes na busca de conhecimentos para operacionalizar o sistema ‘Câmara Digital’, com preenchimento das 80 vagas ofertadas para o curso.
“A demanda foi tão grande que vamos abrir mais 80 vagas para os servidores de gabinetes na próxima semana”, garantiu a coordenadora, ao acrescentar que cada gabinete poderá inscrever até três servidores.
Sobre o Câmara Digital
Lançado oficialmente no final de maio do ano passado, o Câmara Digital é um dos programas que fazem parte do Sistema de Gestão Ambiental (SGA) — ISO 14001:2004, implantado na 16ª Legislatura.
O projeto, que vem sendo implementado há um ano e meio, é fruto do convênio assinado com a Prefeitura de Manaus, com objetivo de minimizar o uso de papel na Casa, além da interação entre a Prefeitura e a Câmara, na tramitação de documentos, tem o sentido de agilidade e dar celeridade aos trâmites de documentos resultando na redução de custo e tempo.
Secretarias e órgãos da Prefeitura de Manaus já estão interligados à Câmara por meio de sistemas digitais, como Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semmas), Visa Manaus, Secretaria Municipal de Finanças (Semef), entre outras.

Texto: Valdete Araújo - DIRCOM/CMM
Foto: Tiago Corrêa - DIRCOM/CMM

Curso traz orientação sobre justificativa de faltas e elaboração de requerimentos, indicações e moções












O segundo dia do curso de Técnicas Legislativas, que a Câmara Municipal de Manaus (CMM) realiza para repassar conhecimento dos processos adotados no Parlamento Municipal, movimentou assessores e vereadores na manhã desta quinta-feira (2). Além de fundamentos legais para justificativas de faltas dos vereadores em casos previstos no Regimento Interno, normas e regras na elaboração de requerimentos, indicações e moções também foram repassados pelo titular da Diretoria de Registro Parlamentar (DRP), Francisco Lima.
Nessa etapa, o curso contou com a participação dos vereadores João Luiz (PRB), Cláudio Proença (PR), Gedeão Amorim (PMDB) e Carlos Portta (PSB) e assessores, que lotaram as dependências do Auditório Zany dos Reis da Câmara Municipal. Coordenado pelas diretorias Legislativa e de Comissões.
Francisco Lima, palestrante do dia, justifica que diversos gabinetes estão iniciando suas atividades agora, com vereadores novatos e com equipes novas, então é fundamental que a Câmara possa oferecer um suporte inicial aos servidores que ainda não conhecem o funcionamento do processo legislativo e do dia a dia das atividades plenárias. “Estamos prestando informações relacionadas ao Departamento de Registro. Os assessores vão precisar justificar a ausência dos vereadores e é importante estarem embasados nos fundamentos legais”, disse ele, que durante a palestra também passou orientações para apresentação de proposituras, como requerimentos, indicações e moções, tipificadas no Regimento Interno.












O vereador João Luiz assegurou que o treinamento esclarece o que mudou no Novo Regimento da Casa, e que por isso é de suma importância a participação no curso, aprimorar os conhecimentos para saber andar de acordo com o que manda o Regimento Interno. “Estamos aprendendo muito, principalmente nós, que somos marinheiros de primeira viagem, e queremos comandar esse barco de forma organizada e correta para que a população seja beneficiada”, disse.
Cláudio Proença também destacou a importância do curso para os vereadores que estão iniciando e seus assessores. “Demonstra que a CMM está compromissada em buscar uma legislatura com eficiência e qualidade”, afirmou.
Para o vereador Gedeão Amorim, treinamentos como esses são de extrema importância para os vereadores, sobretudo os novos e seus assessores. “Trazemos o nosso time (assessores) e por mais habilidosos que sejam têm as particularidades da Casa e todos nós estamos tomando conhecimentos. É fundamental que conheçamos bem as particularidades. Toda organização tem procedimentos específicos, a natureza da atividade. Conhecer é preciso para garantir eficácia nas atividades”, garantiu o parlamentar.

Para a diretora Legislativa, Evelina Câmara, o curso está atingindo seus objetivos pelo grande interesse demonstrado pelos participantes. “Estamos vendo o interesse em conhecer os procedimentos. Aprender e assimilar o andamento correto dos documentos será bom tanto para a Diretoria Legislativa quanto para o vereador. Uma equipe forte em conhecimento ajudará certamente na legislatura”.
Assessores parlamentares no gabinete do vereador Cláudio Proença, Antônio Carlos Souza e Tânia Maria Pereira asseguram que todas as informações repassadas são novas para eles. “É uma boa oportunidade de adquirir conhecimentos para a execução do trabalho com eficiência”, disse Antônio Carlos. “No curso estamos aprendendo as técnicas legislativas e interagindo para ficarmos por dentro das normas”, completou Tânia.
Karina Pantoja, assessora da vereadora Professora Therezinha Ruiz (DEM), também vê a oportunidade como única. “Estamos tendo uma noção do processo que ocorre internamente, administrativamente. É aprendizado que vem somar ao nosso trabalho de assessoria”, avaliou.


Texto: Nely Pedroso – DIRCOM/CMM
Foto: Robervaldo Rocha - DIRCOM/CMM

Vereadores e assessores iniciam curso de Técnicas Legislativas na CMM

 










Parlamentares e assessores de gabinetes iniciaram, na manhã desta terça-feira (1º), as aulas do curso de Técnicas Legislativas que visa repassar conhecimento dos processos adotados na Casa Legislativa, normas e regras na elaboração de projetos de lei, além de ensinar os padrões dos documentos adotados na Câmara. As aulas são realizadas, no Auditório Zany dos Reis da CMM, de 9h às 12h, sob a coordenação das diretorias Legislativa e de Comissões e encerram-se na próxima sexta-feira (3).
A abertura do curso contou com a participação dos vereadores Fred Mota (PR), Carlos Portta (PSB), Missionário André (PTC) e Chico Preto (PMN) que, na oportunidade, elogiaram a iniciativa da Câmara.
Carlos Portta ressaltou que ainda está se familiarizando com os processos da Casa e o curso veio para somar seus conhecimentos. “Estou me inteirando dos trâmites dos processos, principalmente no que diz respeito à Lei Orgânica do Município de Manaus (Loman) e o Regimento Interno. O curso vai facilitar para que possamos desenvolver um bom trabalho”, destacou o vereador.
Por sua vez, o vereador Chico Preto, veterano que retorna à CMM, destacou que um bom trabalho é realizado com a competência de uma equipe preparada e qualificada. “A iniciativa da Câmara em compartilhar conhecimentos com os assessores e vereadores para um melhor desempenho dos trabalhos legislativos é louvável”, observou o parlamentar.
No primeiro dia de aula foram repassadas aos participantes as técnicas legislativas para elaboração de Projetos de Lei, Projeto de Resolução, Memorandos, entre outros documentos oficiais adotados pela Casa, além de noções de comportamento no Parlamento, como explicou a diretora legislativa, Evelina Câmara.
 “Os assessores, principalmente os que estão iniciando um trabalho parlamentar na Casa, precisam ter noções dessas técnicas, porque eles são os suportes dos vereadores para desenvolverem melhor suas atividades parlamentares”, ressaltou Evelina Câmara.
Entre os que participaram do curso, está Maria Amélia, assessora parlamentar do gabinete do vereador David Reis (PV), que destacou a importância do treinamento. “O curso é fundamental para o aprendizado dos processos e documentos do vereador e do gabinete, por isso é necessário termos conhecimento, não somente de como são elaborados os projetos e a sua tramitação, mas a elaboração padronizada desses documentos”, completou a assessora, acrescentando, ainda, que o aprendizado trará mais segurança na dinâmica das ações da equipe e do parlamentar.
Da mesma forma, Evandro Marinho, chefe de gabinete do vereador Raulzinho (DEM), disse que o curso só irá acrescentar conhecimentos à equipe para desenvolver melhor os trabalhos, tanto internos quanto externos. “A iniciativa das diretorias da Câmara em nos dar esse apoio técnico é louvável, principalmente para nós iniciantes nesse processo legislativo. O curso só vai aprimorar os nossos conhecimentos”, reconheceu Evandro Marinho.

Texto: Valdete Araújo - DIRCOM/CMM
Foto: Robervaldo Rocha e Tiago Corrêa - DIRCOM/CMM